Conheça cinco dicas para escolher bons fornecedores para oficinas mecânicas

Administrar um negócio é um grande desafio, você concorda? É preciso dedicar muita energia, tempo e dinheiro para construir uma empresa sólida e confiável, lidando com vários processos que envolvem uma porção de detalhes. Nesse sentido, um dos principais fatores para o sucesso é a escolha dos melhores parceiros. Por isso, neste artigo vamos falar sobre alguns critérios que fazem toda a diferença na hora de definir bons fornecedores para oficinas mecânicas.

Para começar, é importante destacarmos que a qualidade do fornecedor tem relação direta com a satisfação do seu cliente. Isso acontece porque o serviço que você oferece depende muito das peças que tem à disposição. Além, é claro, de questões como preço e entrega no prazo.

Então, com base nisso, podemos afirmar que se um bom fornecedor para oficinas mecânicas pode ser primordial para garantir uma posição de destaque no mercado, um parceiro ruim pode prejudicar de maneira irreversível seu negócio.

O que considerar na hora de escolher fornecedores para oficinas mecânicas

Como dissemos, escolhas erradas podem comprometer a imagem da sua oficina perante o público. Por isso, todo cuidado é pouco na hora de definir com segurança os seus fornecedores. Para ajudar você nesse desafio, separamos cinco dicas fundamentais. Confira:

1 – Conheça o mercado

Conhecer bem o mercado em que se atua é fundamental para qualquer dono de negócio. Porém, não basta apenas confiar na experiência ou naquilo que já se sabe. É preciso acompanhar as novidades, observar as movimentações, verificar o que a concorrência anda fazendo e quais são as tendências do setor. Dessa forma, no momento de optar pelos fornecedores para a sua oficina mecânica, é essencial saber quais são as empresas que fazem parte do seu mercado.

Você pode fazer isso visitando o fornecedor, recebendo um representante ou participando de eventos e feiras do segmento. Pode também acompanhar o site e as redes sociais das empresas, ficando sempre atento ao modo como elas se comunicam e apresentam seus produtos.

E, claro, essa atenção é muito importante também para verificar os fornecedores que podem causar problemas. Avalie as interações e verifique se são positivas ou não. Dessa forma, você saberá se vale a pena iniciar um relacionamento ou se é melhor partir para outra.

2 – Fique atento à entrega no prazo e à qualidade

O fator tempo é muito importante no ramo de serviços automotivos. Nos dias de hoje, em que as pessoas usam o automóvel para quase tudo, a vida pode ficar bem complicada quando o carro estraga. Então, assim como o cliente vai optar por uma oficina mecânica que o atenda rapidamente, você deve escolher um fornecedor que não atrase a entrega das peças.

Um cliente insatisfeito com algum atraso ou serviço ruim pode publicar a reclamação nas redes sociais e queimar o filme de uma oficina mecânica. E o pior é que nem sempre a culpa é do dono do negócio. Às vezes, o culpado é o fornecedor, que fez uma promessa e não cumpriu. O problema é que, independentemente disso, a responsabilidade vai ser do dono da oficina.

Então, muita atenção neste ponto! Escolha fornecedores que entreguem com qualidade e na data combinada. Como consequência, os clientes terão experiências positivas e indicarão sua oficina tanto nas redes sociais quanto no bom e velho boca a boca.

3 – Tenha atenção à logística e ao suporte

Ainda sobre o fator tempo, é importante estar atento ao processo logístico do seu fornecedor. Além de avaliar se ele tem condições de entregar nos prazos combinados, como vimos no tópico anterior, é preciso verificar se a entrega será feita com segurança e qual vai ser o custo disso.

A distância entre a empresa fornecedora e a sua oficina, neste caso, pode fazer a diferença. Assim, uma questão importante é pesquisar se há pontos de distribuição próximos ou se há representantes na sua região.

Aliado a tudo isso, é importante também prestar atenção à qualidade do suporte oferecido. A empresa fornecedora disponibiliza um canal para você esclarecer dúvidas e resolver possíveis problemas? Ela também oferece palestras e treinamentos para auxiliar no seu dia a dia?

Por mais que você seja experiente em sua área de atuação, sabemos que é humanamente impossível saber tudo sobre todas as peças. Sem contar que seu foco como dono de oficina mecânica é realizar bons serviços e atender bem os clientes. Por isso, ao escolher um fornecedor, pense sempre na possibilidade de construir e manter com ele um bom relacionamento. Até porque o sucesso de um contribui para o sucesso do outro, não é mesmo?

4 – Verifique as condições de pagamento

Todos os itens citados anteriormente são importantes, porém, para seu negócio ser sustentável, é preciso ficar atento a outras questões do mercado, como mão de obra e administração do dinheiro em caixa. Por isso, buscar um fornecedor que ofereça boas condições de pagamento, com parcelamento e juros razoáveis, pode fazer a diferença.

Além disso, não tenha medo de negociar. Peça descontos, melhores condições de pagamento e proponha parcerias, pois isso faz parte das relações comerciais e pode significar ótimas vantagens para a sua oficina.

Também é primordial ter atenção ao contrato, observando todos os itens. Mais importante ainda é estabelecer relações de confiança com empresas que têm sólida experiência no mercado e que invistam constantemente em tecnologia e na inovação de processos, oferecendo os melhores produtos aos clientes.

5 – Analise a variedade de peças

Serviços automotivos costumam ser separados por nichos, mas, mesmo assim, cada um deles trabalha com uma variedade muito grande de modelos e peças. E esse é outro critério importante na hora de escolher bons fornecedores para oficinas mecânicas.

Se o catálogo for muito limitado, uma hora pode faltar algum item importante. Então, avalie os itens disponíveis, suas dimensões e modelos, verificando se atendem às exigências das principais empresas do setor automotivo do Brasil. Outro fator a ser avaliado é a qualidade comprovada dos produtos. A empresa fornecedora tem certificações do setor? Se tiver, é mais um bom indício de que a parceria pode ser promissora!

E você, já aplica alguma dessas dicas no seu dia a dia? Ou, quem sabe, leva outros fatores em consideração na hora de escolher bons fornecedores para sua oficina mecânica? Deixe um comentário no espaço abaixo e compartilhe sua experiência com a gente!

Se tiver alguma dúvida sobre o assunto ou se quiser conhecer melhor a Riosulense e os benefícios que podemos oferecer ao seu negócio, entre em contato com nossa equipe. Estamos à disposição para fazer uma parceria de sucesso com você!

Compartilhe